Ingredientes especiais no Dia Das Mães no Farol Shopping
Dani Niero

 O Dia das Mães está chegando e o Farol Shopping promove uma promoção trocou/ganhou muito especial, que nem ela. É o Amor Artesanal, que nem amor de mãe, com encantos, sabores e todos os ingredientes especiais que também compõem uma cerveja artesanal de qualidade. A cada R$ 300 em compras, seja em lojas, estacionamento, alimentação ou cinema, o cliente Farol poderá trocar as notas fiscais por um Kit Beer, que é composto por uma cerveja Cambirela e mais um copo personalizado.

A promoção trocou/ganhou começa a partir desta quarta-feira (2) e segue até o domingo dedicado à elas, no dia 13. Haverá três tipos de cervejas diferentes e o cliente poderá trocar até três kits por CPF. Somente poderão ser trocadas as notas fiscais das compras realizadas a partir desta quinta-feira até o Dia das Mães. O balcão de troca fica no mall central.

Beer Garden
Para conhecer mais sobre a marca tubaronense e seus sabores, o Farol Shopping conta com um espaço no mall central. É o Beer Garden (Jardim da Cerveja), que, durante o horário de funcionamento do shopping opera como um pub. A Cambirela é responsável pelos chopps, e a empresa, também de Tubarão,
Chicken é quem comanda a gastronomia.

No Jardim da Cerveja, o cliente pode fazer o pedido via WhatsApp e o Chicken fará a entrega como se fosse um serviço delivery. Em dias de muito movimento, um funcionário estará disponível para tirar os pedidos. Se o cliente optar, poderá trazer comida de outra operação para ficar no Beer Garden. Nas sextas-feiras, haverá música ao vivo e, em dias especificos, eventos com o mestre cervejeiro.

O “Jardim da Cerveja” também ficará disponível até do Dia das Mães no Farol.

Você Sabia?
Além de consumidora hoje em dia, a mulher tem papel importante na história da cerveja. Segundo o Sommelier de Cervejas, Silvano Spiess, na Babilônia e na Suméria, por volta do ano 4.000 a.C., as mulheres cervejeiras tinham grande prestígio e eram consideradas pessoas especiais, com poderes quase divinos. Produzir cerveja, conforme ele, era uma atividade caseira, assim como fazer pão e cozinhar. “Assim, enquanto os homens saíam para caçar, guerrear ou trabalhar, cabia às mulheres preparar as comidas e bebidas da família. Como os ingredientes do pão e da cerveja são os mesmos, era comum prepará-los simultaneamente”, explica.

@daniniero